Raspando o cabelo depois da quimioterapia

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Raspando o cabelo depois da quimioterapia
4.8 (96%) 5 votos

No começo fiquei triste e tensa. Mas depois de duas semanas de cabelos suicidas, decidi abreviar o meu sofrimento encarando de frente o que seria inevitável. O que posso dizer é que o nosso medo torna as coisas piores do que na verdade são.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *